Disco Nota 11: “Gal Costa” (1969) – Gal Costa

. PSICODELIA TROPICALISTA Com a prisão, em 1968, e o subsequente exílio forçado de Caetano Veloso e Gilberto Gil, coube à cantora baiana Maria da Graça Costa Penna Burgos a tarefa de carregar a bandeira do Tropicalismo naquele final de década. O primeiro álbum solo de Gal Costa foi gravado ainda em 1968, antes dele…

Disco Nota 11: “The Yes Album” – Yes

Paulo Fernandes . AVENTURAS NO CASTELO Na minha adolescência,  já morando em Goiânia, quase todos os anos eu passava minhas férias de verão no Espírito Santo (o estado da federação, para ficar bem entendido). Eu viajava de ônibus ou de carro: com meus pais ou de carona com meu primo Paulo Roberto. De avião era…

Balas, Balaços e Baladas do Baleiro

Paulo Fernandes   Há algum tempo fui indiretamente provocado e o questionamento não formulado poderia ser: – Por que você gosta de músicos que fazem sempre a mesma coisa? Não sei dizer exatamente o porquê, mas eu gosto. Essa “mesma coisa” pode significar utilizar os elementos musicais já utilizados em trabalhos anteriores e ainda assim…

O Manifesto Tropicalista

Paulo Fernandes  .  O MANIFESTO DO PARTIDO TROPICALISTA Era o ano de 1967. Um fantasma ronda a MPB – o fantasma do Rock! Todos os baluartes da “verdadeira” música brasileira unem-se numa Santa Aliança para conjurá-lo: o cardeal e o presidente, Elis Regina e Jair Rodrigues, os estudantes da USP e da PUC e os…

Disco Nota 11: “Mutantes” – Mutantes

Paulo Fernandes Publicado originalmente em 04/10/2010  . O NASCIMENTO DO ROCK NO BRASIL O rock feito no Brasil começou no final dos anos 1950 e era basicamente composto de versões de sucessos norte-americanos. Em 1959 Celly Campello estourou em todo país com a música Estúpido Cupido. Ela e seu irmão Tony se tornaram atração em…