Diálogos Musicais: “Chiquita Bacana” de Braguinha e “A Filha da Chiquita Bacana” de Caetano Veloso

A marchinha carnavalesca Chiquita Bacana era uma das músicas mais frequentes nas cantorias domésticas de minha mãe, aliás, seu repertório de canções de carnaval era bastante extenso. Composta por Braguinha, ou João de Barro – como era conhecido o compositor carioca Carlos Alberto Ferreira Braga – e seu parceiro Alberto Ribeiro para o carnaval de…

Disco Nota 11: “Espelho Cristalino” – Alceu Valença

Eu assisti recentemente ao excelente documentário “Alceu Valença – Na Embolada do Tempo”, 2019, de Paola Vieira. Por suas canções e depoimentos, conseguimos traçar um perfil da figura impar que é o cantor e compositor pernambucano Alceu Valença. Alceu nasceu na pequena cidade de São Bento do Una em 1946. Desde cedo ele interessou-se pela…

Memórias, Momentos e Músicas: David Bowie e Pat Metheny Group – “This Is not America”

No decorrer da década de 1980, David Bowie estava em franca atividade. É desta década seu álbum de maior sucesso comercial: “Let’s Dance”, 1983. Foi uma década de colaboração com outros artistas, participação em filmes e lançamento de singles. Em um determinado momento eu cheguei a pensar que ela estava desperdiçando material que poderia ter…

As assombrosas Capas de Rodney Matthews

ASSOMBROSA FANTASIA O ilustrador e pintor britânico Rodney Matthews é responsável pela concepção de mais de uma centena de capas de álbuns de rock. Um dos clientes mais frequentes de Matthews é a banda de hard rock britânica Magnum. A temática de Matthews para suas capas nos traz à mente outro mestre capista: Roger Dean,…

Roxy Music: Sofisticação e Apelo Pop

O núcleo básico do Roxy Music se formou em 1971: Bryan Ferry (vocais), Andy McKay (sopros), Paul Thompson (bateria) e Phil Manzanera (guitarra). Brian Eno (sintetizadores e tratamentos eletrônicos) participou do grupo nos dois primeiros álbuns. Além destes, vários baixistas e tecladistas passaram pela banda ao longo dos anos. As diferentes inclinações musicais de seus…

Memórias, Momentos e Músicas: Vangelis – “Pulstar”

O compositor e tecladista grego Vangelis (Evángelos Odysséas Papathanassíu) é mais conhecido hoje como autor de memoráveis trilhas sonoras de filmes, principalmente os temas musicais de “Carruagens de Fogo”, “Blade Runner” e “1492 – A Conquista do Paraíso”. Entretanto Vangelis se aventurou em vários estilos musicais como rock progressivo, música ambiente, música eletrônica e música…

James Brown, Mr. Dynamite

James Brown era um showman de performances bombásticas no palco, onde era apresentado pelo codinome Mr. Dynamite(1). Ele conseguiu juntar a energia do rock, o lamento do blues, o swing do jazz e criar um soul explosivo, que ajudou a definir a estrutura do funk na década de 1960, cheio de groove, como ele gostava…

Detonautas detona a Familícia em “Micheque”

Eu confesso que nunca prestei muita atenção à música do Detonautas Roque Clube. Isto até ser completamente abduzido pela música lançada neste setembro de 2020: Micheque. Uma sátira divertidíssima a uma certa família que diz ter Deus no coração, mas que ama mesmo é o Diabo do dinheiro. Viva a força libertária da Arte! Sabemos…

Rockontro, 10 Anos!!!

Neste mês de setembro de 2020 comemoramos dez anos de estrada virtual na web. Muita coisa boa viajou nestes caminhos musicais. Agradecemos a todos os leitores e ouvintes que nos acompanham e vamos “ao infinito e além!” CRONOLOGIA DO ROCKONTRO Julho/2007: Comemoração do Dia do Rock. Embrião do Rockontro; Janeiro/2009: Primeiro encontro do Rockontro. Na casa…

Disco Nota 11: “Burn” – Deep Purple

Poderíamos dizer que um dos mais revigorantes momentos que uma banda de rock viveu foi o álbum “Burn”, de 1974, o primeiro da terceira formação do Deep Purple. Em 1973, o relacionamento entre o vocalista Ian Gillan e o guitarrista Ritchie Blackmore estava péssimo e culminou com a saída de Gillan e do baixista Roger…

“Você Conhece?” Bacamarte

Eu gosto muito da sonoridade da palavra bacamarte. Sua origem está no francês braquemart, que no princípio – século XIV – era um tipo de espada de lâmina grossa. Em algum ponto incerto passou a se referir a uma arma de fogo de cano largo e grande calibre, que ao ser disparada espalha chumbo grosso…