Wendy Carlos, pioneira do sintetizador

Wendy Carlos

Dedicado à Dra. Margareth Giglio e a toda equipe do Projeto

Transexualizador do Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG

Quem assiste ao filme “Laranja Mecânica” de Stanley Kubrick deve ter notado a exuberância de sua trilha sonora. A música está muitas vezes em primeiro plano e não apenas como complemento à ação. Logo no início do filme, se tivermos ouvidos atentos, notaremos que a música tem um brilho diferente, isto porque grande parte do que se ouve no filme foi executado pela musicista Wendy Carlos em instrumentos musicais eletrônicos, os sintetizadores.

A música e a eletrônica estão presentes na vida de Wendy Carlos desde sua infância.  Aos seis anos ela aprendeu a tocar piano e, alguns anos depois, se graduou em Música e Física na Brow University de Rhode Island, EUA.

Na década de 1960, o engenheiro Robert Moog criou o primeiro sintetizador comercial da história. Naquela época era um equipamento complicado e difícil de operar, porém o sintetizador Moog atraiu a atenção de Wendy Carlos que começou a utilizá-lo para criar e executar música.

Wendy Carlos e o sintetizador Moog

Nascia assim a parceria entre Robert Moog e Wendy Carlos, com esta ajudando o inventor a aperfeiçoar seu instrumento.

Um marco da utilização de sintetizadores na música é o álbum “Switched-on Bach”, de 1969, onde Wendy Carlos, com a colaboração de Benjamin Folkman e Rachel Elkind, gravou peças do compositor alemão Johann Sebastian Bach totalmente executadas em instrumentos eletrônicos.

Este álbum, pioneiro na utilização de sintetizadores como instrumentos musicais, foi um sucesso de vendas e Wendy recebeu três prêmios Grammy por ele.

Capa do álbum “Switched-on Bach”

A colaboração com Kubrick começou na finalização do filme “Laranja Mecânica”, quando Wendy adaptou eletronicamente peças clássicas e compôs alguns temas inéditos para a trilha sonora. Uma das adaptações mais impactantes que aparecem no filme é o do quarto movimento da Sinfonia nº 9 de Beethoven, quando o protagonista Alex está sendo submetido ao “Tratamento Ludovico” para condicionar seus impulsos violentos. O filme foi lançado em 1971.

Wendy Carlos também foi pioneira pelo fato de ser uma das primeiras artistas trans da música. Ela nasceu em 1939 com o nome de Walter Carlos, em Rhode Island, EUA. Ela relatou que se percebeu como mulher desde os seus cinco anos de idade. No final da década de 1960, ela começou seu tratamento de reposição hormonal e, graças ao sucesso comercial do disco “Switched-on Bach”, ela realizou a cirurgia de redesignação sexual em 1972 e assim pode adotar oficialmente o nome Wendy.

Wendy quando ainda se chamava Walter

VÍDEOS

Infelizmente há poucos vídeos com as músicas de Wendy Carlos no Youtuve.



Um comentário sobre “Wendy Carlos, pioneira do sintetizador

  1. Sintetizadores foi um dos meus muitos interesses quando comecei na eletrônica. Gerar sons estranhos parecia como pintar em uma tela em branco. Cheguei a montar alguns com sons de sirenes e outros. Tudo o que hoje se pode fazer com um celular.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s