Disco Nota 11: “Jazz” – Queen

Jazz_01

DIVERSÃO SONORA

Eu já havia dito aqui no Rockontro que os lançamentos musicais (e também os cinematográficos, etc.) demoravam a chegar a Goiânia. Neste ponto a capital federal levava ampla vantagem sobre sua vizinha. Os lançamentos internacionais chegavam primeiro em Brasília. E foi a partir de Brasília que o disco “Jazz” do Queen chegou às minhas mãos, trazido por meu amigo Josino que morava por lá.

Jazz_06

E foi numa tarde de sábado do ano de 1978, que o Josino chegou a minha casa com o “Jazz” debaixo do braço. Uma capa superbacana, e o encarte com as ciclistas peladas? Um luxo.

Jazz_04_a

Encarte: Fat Bottomed Girls em uma Bicycle Race

Colocado o disco na vitrola começou a diversão. Todas as características musicais do Queen, que ajudaram a me tornar um fã desde que escutei o disco “A Night at the Opera” (no ano anterior), estavam novamente lá: bom humor, hard rock, rock progressivo, música de teatro, corais operísticos e, desta vez, uma dose maior de rythm & blues.

MAIS DESTE JAZZ

O álbum começa com o que parece ser uma prece islâmica recitada por Freddie Mercury com os dizeres: “Ibrahim, Ibrahim, Ibrahim… Allah, Allah, Allah ….we’ll pray for you”. A música chama-se Mustapha e tem uns elementos musicais árabes, letras em inglês, árabe, persa e palavras inventadas.

Jazz_03

O hard rock marca presença em pelo menos 3 canções: If You Can Beat Them, Let Me Entertain You e na rapidíssima, com direito a show de guitarra de Brian May, Dead on Time.

Fat Bottomed Girls (Garotas Bundudas) e principalmente Bicycle Race têm aquelas sofisticadas construções do Queen com variações harmônicas e de ritmo.

Jazz_09

Duas composições de Roger Taylor trazem elementos de discothèque e R&B: Fun It e More of that Jazz. Nesta última há uma recapitulação do álbum com trechos das faixas anteriores.

Para não deixar de fora as baladas: Jealousy e Leavin Home Ain’t Easy, e uma música leve de John Deacon: In Only Seven Days.

Jazz_05

Uma homenagem a Elvis Presley, que havia morrido no ano anterior, é feita pelo grupo na música Dreamer’s Ball.

A música mais famosa, e que virou presença constante nos shows, é a épica Don’t Stop Me Now que usa a fórmula de camadas vocais superpostas. Ela apareceria depois no filme de “terrir” Shaun of the Dead.

Jazz_02

Capa interna: Queen no estúdio

FAIXAS

Lado 1           

1) Mustapha (Mercury)
2) Fat Bottomed Girls (May)
3) Jealousy (Mercury)
4) Bicycle Race (Mercury)
5) If You Can’t Beat Them (Deacon)
6) Let Me Entertain You (Mercury)

Lado 2  

1) Dead on Time (May)
2) In Only Seven Days ( Deacon)
3) Dreamer’s Ball (May)
4) Fun It (Taylor)
5) Leaving Home Ain’t Easy (May)
6) Don’t Stop Me Now (Mercury)
7) More of That Jazz (Taylor)

 

MÚSICAS

Álbum completo em Lista de Reprodução:

Fonte: canal YouTube de Diego Aguilar


Clipe com letra de Bycicle Race:


Clipe de Don’t Stop Me Now:


 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s