A Hora do Rush

Alanzera

Rush_00

.

NUNCA É TARDE PARA SE ARREPENDER

Conheci o som do Rush, assim como a maioria de minhas “descobertas” dos últimos anos, por intermédio do Paulo Afonso, colega de Celg e co-fundador do Rockontro.

Ao me emprestar a coletânea “Retrospective I” ele me deixou com um arrependimento imenso. Explico: tempos atrás minha mãe, que também é roqueira, tinha me oferecido de presente o DVD “Rush in Rio”, que ela havia comprado, mas cujo som ela não gostou.

Há muito tempo

Há muito tempo

Acreditando que a ignorância é uma bênção, recusei! Ela então enviou o DVD para o irmão dela, que por sinal é outro que curte rock (deve ser algo genético). Então, tempos depois ao ouvir o CD do Paulo, sabia que tinha feito merda. E das grandes! Hoje o Rush está entre minhas bandas Top 10. Estou até pensando em fazer uma tatuagem homenageando a banda canadense. Mas isso é só uma ideia…

Há mais de 40 anos na estrada, o Rush já esteve no Brasil algumas vezes, a primeira em 2002, são desta turnê os registros do citado DVD.

Há algum tempo

Há algum tempo

.

A BANDA VOCÊ CONHECE, A HISTÓRIA NÃO

É público e notório que todo mundo gosta de ver aqueles shows lotados, seja no meio da multidão, seja em casa assistindo DVD. A verdade é que para que tudo aquilo aconteça, é necessário muito trabalho, que às vezes, não chega aos olhos do público.

Quando uma banda se torna famosa, pouca gente fica sabendo como ela chegou lá, simplesmente gosta e pronto. No documentário Rush – Beyond the Lighted Stage” é mostrada a trajetória de todos os integrantes, desde a infância até o sucesso. Infância essa que não parece ter sido fácil para nenhum deles. A saída do primeiro baterista por problemas de saúde, as rejeições na época de escola e como foi difícil chegar ao topo.

Rush_BLS_01

As entrevistas com os integrantes e seus pais, fãs famosos como Kirk Hammett (Metallica), Zakk Wylde (Black Label Society), Tim Commerford (Rage Against the Machine) e fãs anônimos, que declaram amor e fidelidade à banda. O hiato que a banda teve, quando o baterista perdeu sua filha em um acidente e resolveu sair pelo mundo em sua motocicleta, é um capítulo à parte que vale muito à pena ver.

Confesso que me enquadrava na classe dos que não conheciam muito a banda, mas depois de assistir este documentário, mudei a visão sobre ela.

.

MÚSICAS

Os três álbuns da série Retrospective (em Lista de Reprodução) e o trailer do “Beyond the Lighted Stage”

.

Álbum completo – Retrospective I:

.

Álbum completo – Retrospective II:

.

Álbum completo – Retrospective III:

.

Trailer do “Beyond the Lighted Stage”:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s